Seguidores

sábado, 26 de fevereiro de 2011

Comparando textos de gêneros textuais diferentes



Texto - 1
A Lenda do Guaraná

Conta a lenda que um casal de índios Maués, viviam juntos a muitos anos e ainda não tinham filhos.
Um dia, pediram a Tupã para dar-lhes uma criança. Tupã atendeu o desejo do casal e deu-lhes um lindo menino, que cresceu cheio de graça e beleza e se tornou querido de toda a tribo.
No entanto, Jurupari, o Deus da escuridão e do mal, sentia muita inveja do menino e decidiu matá-lo.
Certo dia, quando o menino foi coletar frutos na floresta, Jurupari aproveitou para se transformar numa serpente venenosa e matar o menino.
Neste momento, fortes trovões ecoaram por toda a aldeia, e relâmpagos luziam no céu em protesto.
A mãe, chorando em desespero ao achar seu filho morto, entendeu que os trovões eram uma mensagem de Tupã.
Em sua crença, Tupã dizia-lhe que deveria plantar os olhos da criança e que deles nasceria uma nova planta, dando saborosos frutos, que fortaleceria os jovens e revigoraria os velhos.
E os índios, plantaram os olhos da criança e regavam todos os dias.
Logo mais, nesse lugarzinho onde foi enterrado os olhos do indiozinho, nasceu o Guaraná, cujos frutos, negros como azeviche, envoltos por uma orla branca em sementes rubras, são muito semelhantes aos olhos dos seres humanos.
(Esta lenda é um pouco mais complexa, mas como o texto foi adaptado para criança, assim ficou.
O conteúdo é o mesmo.)

Texto - 2

O Guaraná é um arbusto trepador pertencente à família das Sepindáceas, Paullinia Cupana.
Sua casca é escura e as cascas são pinadas. As flores de tamanho médio são muito aromáticas, e os frutos, vermelhos e brilhantes, quando secos tornam-se pretos.
O Guaraná é muito empregado como planta medicinal para evitar a arteriosclerose, e auxiliar nos problemas do coração e das artérias, funcionando como um notável cardiovascular.
Pode também ser usado como sedativo e adstringente intestinal, na ocorrência de diarréias crônicas.
Suas sementes após torradas e moídas, convertidas em massa, é utilizadas no comercio como pó de guaraná, e serve para o feitio de refrescos e refrigerantes.

Fonte: http://www.overmundo.com.br/banco/a-lenda-do-guarana

Texto - 3



Fonte: http://www.guaranaantarctica.com.br/media/3216/wall_08_1024x768.jpg

Texto - 4

O Guaraná é um arbusto originário da Amazônia, encontrado no Brasil, Peru, Colômbia e Venezuela, cultivado principalmente no município de Maués AM e na Bahia. Seu nome científico é Paullinia cupana Kunth e pertence a família Sapindaceae. O nome Paullinia foi atribuído por Lineu ao género a que pertence o guaraná em homenagem ao médico e botânico alemão Simon Pauli. É também conhecido por uaraná, narana, guaranauva, guaranaina, guaraná cerebral e guaraná-da-amazônia.



Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Guaran%C3%A1


Trabalhando os textos
Leia os textos e responda:
1- Qual o assunto em comum entre os textos?
2- Qual o gênero textual de cada um dos textos?

Texto 1:
1- Releia o texto, localize as informações e complete as respostas:
a) Personagens;
b) Espaço/ ligar onde deve ter acontecido a história;
c) Tempo/ qunado aconteceu a história;
d) Descrição do menino indígena:
Problema:
Causa do problema:
Consequência do problema:
Solução:
e) Tipo de narrador;
f) Que tempo de verbo predomina no texto? Por quê?
g) Copie o trecho que compara o fruto aos olhos do menino.

Texto 2:
a) Nome científico;
b) Família;
c) Informações sobre a planta e suas partes;
d) Usos do guaraná;
e) Que tempo do verbo predomina no texto? Por quê?

Texto 3:
a) Descreva a imagem da propaganda;
b) Descreva a qualidade dos frutos;
c) Na comparação entre as imagens dos frutos e da lata, que características dos frutos podem ser atribuídas à bebida?
d) O slogan " É o que é" é construído para reforçar, no consumidor, a ideia de autenticidade do produto: Explique como;
e) Explique o uso das comparações na propaganda e sua função;
f) Explique o uso duplo do verbo é;

Texto 4:
a)Complete a ficha técnica com informações sobre o guaraná:
Nome cinetífico:
Nomes comuns:
Família:
Origem e Habitat:
Características:
b) Explique por que a planta recebeu tal nome científico;
c) Explique o uso do tempo verbal predominante no texto.

Descobrindo características dos gêneros textuais
texto1 texto2 texto3 texto4
Assunto:
Gênero textual:
Finalidade do texto:
Suporte:
Função da imagem:
Características do gênero:
Linguagem:


Fontes:
Textos Expositivos, 5º ano - Colégio Pentágono.
http://linguagemeafins.blogspot.com/

Um comentário: